mais sobre mim

subscrever feeds

Quinta-feira, 21 DE Maio DE 2009

Testes de lógica

Para quem não resiste a solucionar problemas, que tal uns testes de lógica?

Em relação às soluções não vou colocá-las agora, só mais tarde, caso contrário não fazia sentido.....

 

1. 

Um soldado recebeu a ordem de seu comandante para ir buscar 7 litros de água exactamente, e recebeu para isso 3 baldes um de 11 lts outro de 8 lts. e outro de 5 lts. como ele faz para trazer os 7 lts. exactos?

 

2. 

Existem 5 mulheres mussulmanas, onde duas têm olhos negros e que sempre dizem a verdade, e três têm olhos azuis e que sempre mentem. As 5 estão com o rosto inteiro coberto por um espesso véu. Terás que descobrir quais as mulheres de olhos negros e quais as de olhos azuis. Para isto, pode-se interrogar três delas. Foi perguntado para a primeira que estava na fila. - De que cor são seus olhos? A mulher respondeu em um dialeto nativo! Perguntou-se então para a segunda: - Qual foi a resposta dada pela sua companheira? - Ela disse que seus olhos são azuis. Perguntou-se então para a terceira: - De que cor são os olhos dessas duas jovens que acabo de interrogar? - A primeira tem olhos negros e a segunda olhos azuis. A partir das respostas dadas pelas mulheres, você consegue descobrir quais tem olhos negros e quais tem olhos azuis?

 

3.

Você possui nove bolas coloridas e sabe que apenas uma delas é mais pesada que as outras mas não sabe qual. Tente descobrir qual a mais pesada sendo o seu único instrumento uma balança comparativa que você pode usar apenas duas vezes.

 

4.

Numa certa comunidade, os políticos sempre mentem e os não-políticos  falam sempre a verdade. Um estrangeiro encontra-se com três nativos, pergunta ao primeiro se ele é um político e recebe uma determinada resposta. O segundo nativo informa, então, que o primeiro falou que não é um político, mas o terceiro afirma que o primeiro é um político. Quantos destes nativos são políticos?

 

5.
Há cinco casas de 5 diferentes cores. 2. Em cada casa mora uma pessoa de uma diferente nacionalidade 3. Esses 5 proprietários bebem diferentes bebidas, fumam diferentes tipos de cigarro e têm um certo animal de estimação 4. Nenhum deles tem o mesmo animal, fumam o mesmo cigarro ou bebem a mesma bebida. A questão é: quem tem um peixe? Dicas: - O inglês vive na casa vermelha. - O sueco tem cachorros como animais de estimação. - O dinamarquês bebe chá. - A casa verde fica à esquerda da casa branca. - O dono da casa verde bebe café. - A pessoa que fuma Pall Mall cria pássaros - O dono da casa amarela fuma Dunhill. - O homem que vive na casa do centro bebe leite. - O norueguês vive na primeira casa. - O homem que fuma blends vive ao lado do que tem gatos. - O homem que cria cavalos vive ao lado do que fuma Dunhill. - O homem que fuma Bluemaster bebe cerveja. - O alemão fuma Prince. - O norueguês vive ao lado da casa azul. - O homem que fuma Blend é vizinho do que bebe água.

Einstein escreveu esse teste(n.º 5) no século passado. Ele disse que 98% do mundo não pode resolvê-lo. Devo confessar que deu-me ainda mais vontade de o resolver...

 

publicado por c-alma às 15:07
sinto-me: pensativa
música: John Mayer - Slow Dancing in a Burning Room
Quinta-feira, 14 DE Maio DE 2009

Twilight saga - Eclipse

Acabei de ler "Eclipse" de Stephenie Meyer no dia 13/05/2009 e fiquei um pouco desiludida pelo enredo e pelo intenso triângulo amoroso que surgiu. Li incessantemente, fazendo alguns juízos de valor às personagens, isto só prova que  mergulhei profundamente no livro e deixei-me levar. Contudo a personagem de Edward é a que mais me fascina, o temperamente, a calma, o desejo e o amor que sente por Bella, a compreensão, o respeito, enfim, não existe no mundo real. Homem assim tinha de ser criado, nunca poderia nem poderá existir, mas e se existisse e... se existir?

Li uma entrevista com a Stephenie Meyer, a qual referiu que o objectivo da saga Luz e Escuridão era criar não um, mas "O Amor Perfeito". Na minha opinião conseguiu.

Devo confessar que eu já encomendei o último livro da saga: Amanhecer, pois só está disponível nas livrarias em Portugal apartir de 09/06/2009, contudo já estou quase a acabar de o ler porque fiz o dowload da net e estou a ler a versão brasileira. Estou a gostar muito, e esta parte do livro (assim como muitas outras) realmente tocou-me é quando Bella refere o seguinte:

 

"Eu devia ter adivinhado, depois de um dia como o de hoje, que seria melhor.
Eu podia apreciá-lo realmente agora – podia ver propriamente cada linha linda de seu rosto perfeito, de seu perfeito e longo corpo com meus novos olhos fortes. Cada ângulo e cada plano dele. Eu podia sentir a sua pureza, o seu cheiro vívido na minha língua, e sentir a inacreditável suavidade da sua pele de mármore com as pontas sensíveis dos meus dedos.
Minha pele era tão sensível às mãos dele também.
Ele estava todo novo, uma pessoa diferente como se nossos corpos se enrolassem graciosamente num só, no chão claro como areia. Sem perigo, sem moderação. Sem medo – especialmente isso. Nós podíamos amar-nos juntos – ambos participantes, activos agora. Finalmente iguais.
Como nossos beijos antes, cada toque era mais do que os quais eu estava acostumada. Muito dele tinha-se contido. Necessariamente naquele tempo, mas eu não pude acreditar no quanto eu estava a perder.
Eu tentei manter em mente, que era mais forte do que ele era, mas era difícil focar-me em qualquer coisa com sensações tão intensas, atraindo a minha atenção para milhares de lugares diferentes no meu corpo a cada segundo."

 

 

Enfim, nem sei o que dizer, nem sei porquê dizer algo, acho que ainda não existem palavras para descrever o que vai no meu ser........

 

Yiruma - River Flows in You
Found at bee mp3 search engine
tags:
publicado por c-alma às 16:05
música: Yiruma - River Flows in You
Segunda-feira, 11 DE Maio DE 2009

Twilight saga - Nova lua

No sábado, dia 9 de Maio de 2009, fui comprar o livro de Stephenie Meyer - Nova Lua e é fantástico. Não consegui parar de ler e no domingo, um dia depois acabei de o ler. É apaixonante e viciante. A escrita é fluida e cativa o leitor, sendo quase impossível parar a leitura. Ontem, já fui comprar o outro livro, Eclipse e vou começar a lê-lo hoje.

Esta história de um amor quase impossível e extremamente improvável mas verdadeiro e tão forte aquece o meu coração.

O desejo pela leitura voltou, esteve perdido por bastante tempo, mas agora regressou, mais forte do que nunca. Obrigada Stephenie Meyer.

 

 

 

publicado por c-alma às 10:27
Segunda-feira, 11 DE Maio DE 2009

Desabafo

Ontem tive mais uma discussão com o meu marido. Infelizmente tornou-se um hábito difícil de evitar. Tenho um amor/casamento bipolar, que mudou muito desde que casei ou se calhar sempre foi assim e eu nunca reparei, até aos dias de hoje.

No meio da discussão ele disse uma frase que eu fixei: "Vives num mundo de ilusão, de fantasia.". Refleti sobre o que ele disse e devo confessar, que ele tem razão. Eu recuso-me a acreditar que a vida é só isto, discussões diárias, amarguras, falta de amor, falta de respeito, cinismo, egoísmo. As ilusões, os sonhos, são o meu refúgio pois fazem-me acreditar num amanhã melhor, fazem-me ter esperança, afastam-me da escuridão, da insanidade, da depressão, caso contrário a vida seria muito difícil de suportar.

Eu sonho, sonho, vôo muito alto, e depois apercebo-me que não tenho asas e como Ícaro, caio em queda livre e magoo-me sempre.

Será então que vale a pena sonhar, se logo após sofro com a desilusão? Será isto uma característica masoquista? Ou será apenas que sonho para suportar esta existência que eu não compreendo? Seria tão mais fácil se eu fosse mais "down to earth" se eu tivesse os pés bem assentes na terra, se fosse mais realista.....mas será que devo contentar-me com aquilo que tenho, mesmo querendo mais, mesmo estando sumariamente infeliz?! Na minha mente vagueiam inúmeras questões, muitas delas retóricas, é verdade, mas se pelo menos tivesse uma bola de cristal!!

Por vezes sinto que estou à espera de algo, não sei explicar, até a mim soa-me estranho, mas é aquilo que sinto... Se calhar o que eu tanto procuro não existe, na realidade, apenas na ficção.

Provavelmente a minha sanidade foi afectada ou é apenas uma crise existencialista.

 É mesmo à jean-Paul Sartre.

Comecei este blog para poder libertar a pressão que toda esta confusão fazia no meu peito, para poder respirar melhor, sentir-me mais tranquila. Sou muito reservada e tenho uma certa dificuldade em exprimir-me e principalmente em falar com os outros acerca de mim. E com este blog, eu consigo-o fazer. Não sei se será o facto de ninguém o ler, ou se é o facto de qualquer um o poder fazer sem me conhecer e sem eu o saber. Confesso que é complicado, mas....não tem de fazer sentido...não tem de ser racional...é simplesmente... assim.

 

tags:
publicado por c-alma às 10:24
sinto-me:
música: Debussy, Clair de lune
Sexta-feira, 08 DE Maio DE 2009

Família

Hoje é um dia especial na minha família porque o meu irmão mais velho faz uns valentes 32 anos. Devo dizer que gosto muito dele e de toda a minha família. Já tivemos altos e baixos, mas no final como há muito amor, tudo se esquece, tudo se perdoa, tudo serve para crescer e aprender.

Como ainda não falei do dia da mãe, quero referir que tenho uma mãe fantástica, corajosa, forte e determinada que amo muito e que, infelizmente, já sofreu muito, mas conseguiu vencer. Venceu o cancro da mama, venceu como mãe, como mulher, enfim, espero que a minha filha sinta o mesmo orgulho em mim, como eu sinto em relação à minha mãe.

Neste mundo louco e por vezes sem sentido, faz falta ter um refúgio, alguém com quem contar, alguém que nos ame incondicionalmente, que nos abraçe e que diga que tudo vai correr bem, alguém que nos inspire a ser melhor e que nos dê força. Pode ser mãe, pai, irmão, amigo, marido, enfim.... alguém.....que traga luz para a nossa vida.

 

tags:
publicado por c-alma às 14:57
Sexta-feira, 08 DE Maio DE 2009

Pensamento do dia

Porque é que tudo junto escreve-se separado e separado escreve-se tudo junto?

publicado por c-alma às 11:13
sinto-me: pensativa
Quarta-feira, 06 DE Maio DE 2009

Twilight

 

Ontem fui alugar o dvd do filme "Twilight". Sabia que era sobre um vampiro e uma humana, mas não sabia os pormenores, por isso fui alugá-lo.

Devo confessar que perturbou-me, mas no bom sentido, digamos que fiquei fascinada, pelo filme, pelo enredo, pelas personagens, mas principalmente pela intensidade do filme. É um romance íntimo, intenso, com desejo mas puro ao mesmo tempo, enfim ambíguo, mas apaixonante. Conseguiram transmitir todo o desejo e a atracção que as personagens sentem um pelo outro, mas também o lado negro de todos esses sentimentos.

Elevaram o filme a um outro patamar, penso que a melhor palavra para descrever o meu estado de espírio é o de fascínio. Apesar de ser um amor proibido entre um vampiro e uma humana e com todos os riscos que daí advêm, lutam por esse amor. Uma frase que ficou na minha memória foi " Bella, you are my life now" tão simples, mas tão poderosa.

Vale a pena ir ver e, eu, uma romântica assumida e reassumida, na minha humilde opinião, acho que é uma das mais lindas histórias de amor.

 

The End!

 

 

P.S. Eu tive esta reacção ao filme, porque não sei o que é sentir os sentimentos que referi anteriormente. É só um filme, eu sei, tal amor nunca poderia existir fora da ficção. Mas não seria bom sentir-me tão protegida, tão amada, tão desejada?  Sei que estou a divagar...mas...e se....

Obviamente, não me refiro aos vampiros, mas aos sentimentos.

Tenho de começar a sentir menos e a pensar mais. Mas como disse Blaise Pascal "O coração tem razões que a própria razão desconhece."

Enfim, GRANDE FILME.

Claude Debussy - Clair de lune
   
Found at bee mp3 search engine
tags:
publicado por c-alma às 16:05
sinto-me: Like when we are deeply inlove
música: Debussy, Clair de lune
Terça-feira, 05 DE Maio DE 2009

Sociedade egoísta

 

Estou numa fase da minha vida um pouco estranha, sinto-me confusa, sem saber bem que rumo dar  a esta minha vida monótona e corriqueira. Contudo, fui-me apercebendo ao longo dos anos que vivemos numa sociedade de cínicos, egoístas e hipócritas. Os bons valores estão-se a perder, o respeito, a amizade, o companheirismo e até o amor. Tudo tem um prazo de validade. Sinceramente, por vezes até assusta viver numa sociedade assim. Que futuro teremos nós?

Talvez seja uma idealista, mas gosto de pensar que um dia vamos deixar de olhar somente para nós e começaremos a olhar para o mundo e admirar a sua diversidade. Eu contra mim falo, porque estamos tão embrenhados na nossa vida, nos problemas, dúvidas, dores, amores, temores...que não conseguimos ver mais nada. Penso que é altura de abrirmos os nossos horizontes. Não estou a dizer para virarmos Madres Teresas ou do género, só acho importante batalhar por uma sociedade melhor, porque o rumo que esta está a tomar leva à escuridão.

 Em comparação com a imensidão do mundo, somos tão pequeninos.... Como é que deixamos chegar a este ponto...o de deixar andar?

 

  

publicado por c-alma às 14:11
música: John Legend, "If You're Out There"
Terça-feira, 05 DE Maio DE 2009

Apenas viver

Quero saborear todos os sabores

Viver o mundo com todas as suas cores.

Sentir sentimentos que levitem-me do chão

Emoções de cortar a respiração

Encontrar-me no meio desta confusão.


Tempestades imprevistas,

Barreiras nunca vistas

são batalhas que irei sempre travar

posso até cair, mas irei sempre me levantar.

A vida é muito curta para receios ou indecisões

Não desistir, sempre persistir.

Deixar de lado as desilusões

Abrir o coração e simplesmente deixar-me ir


A magia não pode acabar

A fé não pode cessar

Não quero ver a vida a passar

Nunca deixar de sonhar

 

C-alma


tags: ,
publicado por c-alma às 11:18
sinto-me:

pesquisar

 

Maio 2009

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

comentários recentes

  • claro. Lê pausadamente: Go d... :)
  • Ok, está combinado. Deus também vai? lol
  • http://5dimensao.blogs.sapo.pt/8167.htmlDepois de ...
  • "Só Deus sabe o que quanto só eu sinto"
  • Tu entendes, se calhar porque também já tiveste mo...
  • Quando a pauta se perde da melodia e a música se e...
  • Devo confessar que a mim também :-)
  • Eu realmente gosto de trovoadas e relâmpagos me fa...
  • Obrigada. É bom saber que gostas do meu blog. Este...
  • identifico.me mt com as tuas palavras e musica...g...

Posts mais comentados

blogs SAPO


Universidade de Aveiro